sábado, 6 de agosto de 2022

Miguel diz que vai tirar Agreste do atraso

 

Candidato ao governo de Pernambuco pelo União Brasil, Miguel Coelho demonstrou a força da oposição no Agreste, durante ato realizado, ontem, em Jurema. O evento contou com o apoio do prefeito Branco de Geraldo (PDT) e dos vereadores da base de sustentação à candidatura de Miguel no município.

Ao lado da candidata a vice-governadora Alessandra Vieira, o ex-prefeito sertanejo comparou a atual situação de Petrolina, de grandes avanços obtidos durante a sua gestão, com o estado e reforçou seu compromisso com a população pernambucana. Miguel classificou como inaceitável o atraso em que várias cidades do Agreste e outras regiões se encontram por conta do governo do PSB.

Dentre as críticas à gestão socialista, marcada por promessas que se tornaram repetitivas a cada eleição, o candidato destacou a ausência de obras estruturantes, a precariedade no atendimento básico à saúde e a negligência do governo com a agricultura.

“Temos visto a insatisfação com o governo PSB, que nos últimos anos nada fez pela população. Tiveram tempo para fazer as obras de contenção das enchentes e não fizeram. Esqueceram o homem do campo e a política de saúde é colocar as pessoas dentro de uma ambulância quente e mandar para a capital”, disse. “O atraso em Pernambuco tem data para acabar e começa a partir de janeiro de 2023, quando eu assumir o governo”, completou.

Informações Blog do Magno Martins


Nenhum comentário:

Postar um comentário